a masturbação feminina: o poder que você precisa pra ter orgasmos

Exausta de ter tentado sentir prazer em relações sexuais que no final só lhe trouxe frustração? Saiba que existem maneiras de você conhecer o seu corpo e sua capacidade, para atingir aquilo que tanto deseja. Basta ter coragem de experimentar! E aí, você está disposta a ler o artigo a seguir, e ficar por dentro de assuntos e dicas que te ajudarão a esquecer sua estagnação na vida sexual e evoluir para experiências prazerosas?

O que é masturbação feminina

A masturbação feminina consiste no ato da mulher tocar o próprio corpo, principalmente suas partes íntimas em busca de prazer, desejando atingir o orgasmo.

A masturbação feminina é algo que pode, e deve, ser praticado por mulheres que buscam conhecer o próprio corpo, atingir orgasmos e obter vários benefícios oriundos desta atividade para seu bem-estar. A masturbação feminina sempre foi um tabu desta sociedade.

Mas para quê isso, não é mesmo? Quando é uma coisa que só faz bem tanto para as mulheres individualmente, como para seus relacionamentos.

A maioria das mulheres não chegam ao orgasmo durante suas relações sexuais

Em pesquisas realizadas desde que o mundo é mundo sobre o assunto: orgasmo feminino, é comprovado que a maioria das mulheres nunca chegaram a conhecê-lo. Sentir um orgasmo sempre foi mais difícil para algumas mulheres. Houve um tempo, em que era dito para elas que o prazer, não era para elas. Depois, a culpa por não sentirem orgasmos era delas (são frígidas, diziam).

Por que as mulheres não gozam

Há alguns motivos para isso. O fato é que muitas mulheres passam a vida sem viverem experiências sexuais realmente prazerosas. E o pior, se conformam com isso e podem até carregar traumas que as impedem de buscar solução para o problema.

Frígida por exemplo é um termo usado para com mulheres que não gozam e que além de desagradável, pode causar problemas sérios na autoestima de quem o ouve. A frigidez está, comumente, relacionada a disfunção sexual ligada a falta de prazer, de interesse e desejo sexual. De fato a frigidez existe, mas nem por isso todo e qualquer caso onde a mulher não consegue chegar a um orgasmo durante uma relação sexual, significa que ela é frígida. Às vezes, é só porque não foi tocada da forma correta, nos lugares certos, durante tempo suficiente para que se sentisse estimulada para chegar ao orgasmo. Outras vezes, pode ocorrer outras causas que impedem a mulher de chegar lá.

Os benefícios da masturbação feminina para a sua saúde

A masturbação feminina é uma prática que ajuda muitas mulheres a resolverem a dificuldade em chegar ao orgasmo porque ajuda no seu autoconhecimento, estimula a libido e, consequentemente, melhora o sexo, seja sozinha ou com alguém.

Confira uma lista com 5 benefícios para a sua saúde, causados pela masturbação feminina que você, sozinha ou acompanhada, pode desfrutar se se permitir:

  1. Melhora a libido

A masturbação vai conceder à mulher, de forma gradual, uma visão do próprio corpo de uma forma mais confortável. Isso vai melhorar sua autoconfiança, sua autoestima, permitindo-a sentir sensações e se entregar a elas. A libido vai aflorar e o prazer virá através do seu total controle: de cada sensação e cada estímulo que se propor a fazer.

2. Alivia o estresse

A masturbação gera um momento de tranquilidade, de calma e relaxamento. A mulher esquecerá os problemas ficando mais leve e feliz. Melhora o humor e até problemas de insônia.

3. Previne infecções

A masturbação vai ser concluída com o orgasmo, o que ajuda no alongamento dos músculos locais eliminando muco cervical. Bactérias localizadas nesse muco, serão postas para fora prevenindo assim, possíveis infecções vaginais.

4. Melhora sua vida sexual

A masturbação permite a descoberta de cada cantinho do corpo que é mais erógeno. O que torna a mulher mais confiante na cama para orientar seu parceirx sobre o que mais gosta. Isso faz toda diferença na hora do sexo.

5. Proporciona bem-estar duradouro

Durante a masturbação os músculos do pavimento pélvico são estimulados fortalecendo-os e evitando incontinência urinária (desde que seja algo praticado com frequência), e pode até, aliviar cólicas em período pré-menstrual.

Como praticar a masturbação

Exercícios de masturbação podem ser feitos tanto com os dedos ou com acessórios próprios para a prática. Existem métodos (ensinados em cursos por profissionais da área), produtos e aparatos específicos para um desenvolvimento completo, ou suficiente para atingir seu objetivo, desse hábito na vida das mulheres.

O mais importante é você, mulher, saber que não deve existir tabu sobre o seu próprio corpo. Que você tem direito de se conhecer, se tocar e sentir todo o prazer que deseja. Que você possui autonomia para conhecer toda a sua capacidade sexual e usufruir dela, se permitindo sentir muitos orgasmos. Se toca, mulher!

Sexo e orgasmo feminino

E se você pudesse ter mais intimidade com o seu corpo e assim, melhorasse sua relação com a sua sexualidade?

O autoconhecimento íntimo faz com que você se aceite como você é, faz com que sinta prazer e se liberte de traumas vividos. Aprenda a libertar seu corpo para explorar e sentir todo o prazer que você mesma pode se dar.

Existem cursos e treinamentos que orientam e ensinam sobre esse assunto de forma profissional. Vou deixar uma indicação de um treinamento da Adriana Zen (terapeuta quântica) que é maravilhoso. Você pode conhecer melhor tudo sobre a masturbação feminina e como ter muitos orgasmos de formas leve, divertida e sem culpa.

Confira também outros artigos aqui no blog que podem esclarecer outras possíveis dúvidas. E que podem te estimular na hora de despertar sua libido:

Precisamos falar sobre livros eróticos…

Amor e sexo: como é nos livros de ficção X vida real